Lançamento oficial do Portal Gastronômico de Santa Terezinha

Portal de Conhecimento na modalidade Governo-Eletrônico para a manutenção da memória das culturas gastronômicas em comunidades polonesas e ucranianas de Santa Catarina

A cultura eslava está presente em Santa Catarina, caracterizada pela imigração e descendência de povos poloneses e ucranianos. Há uma concentração e uma identidade destas culturas em vários municípios como Itaiópolis, Papanduva, Mafra, São Bento do Sul e Santa Terezinha. O IPHAN – Instituto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional reconhece a imaterialidade como bem cultural ao instituir o Registro de Bens Culturais de Natureza Imaterial. O conhecimento humano, existindo de maneira tácita ou representado por meio de instrumentos de explicitação é um tipo de bem intangível ou imaterial. É uma propriedade do indivíduo ou da coletividade, considerando as redes sociais que permitem a interação e o compartilhamento do conhecimento. Municípios cuja economia é essencialmente baseada na agricultura, sofrem com o fenômeno do êxodo rural de jovens. Esse problema acarreta na ruptura da continuidade da manutenção da memória ou da identidade cultural fomentada pela convivência familiar ou pela interação em pequenas comunidades rurais. A expansão dos serviços de Internet rural já permitem processos de inclusão digital e podem ampliar a capacidade do compartilhamento de informações e de conhecimento mesmo em comunidades rurais distantes. A implementação e disponibilização deste tipo de Portal é suportada por processos de Engenharia e Gestão do Conhecimento aliados com Tecnologias de Informação. O objetivo principal deste projeto é disponibilizar um espaço virtual através do Portal de Conhecimento Gastronômico que possa contribuir e assegurar a manutenção da memória da cultura gastronômica polonesa e ucraniana no município de Santa Terezinha e região. Tem o apoio do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico), do IFC (Instituto Federal Catarinense), através do Departamento de Ciência da Computação e do Grupo GrECIA – Grupo de Estudos em Engenharia do Conhecimento e Inteligência Artificial e da Prefeitura Municipal de Santa Terezinha, através da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Turismo.

Sobre a Disponibilização do Portal a Comunidade

Na noite de sábado, 26 de novembro de 2016 aconteceu a VII Noite Cultural Folclórica Ucraniana, na comunidade Craveiro, município de Santa Terezinha. Nesta edição o evento foi marcado pela entrega oficial do Portal Gastronômico a comunidade. O projeto iniciou há dois anos e foi contemplado e apoiado pela Chamada CNPq/SETEC 17/2014 que disponibilizou bolsas de pesquisa para o curso de Ciência da Computação do Instituto Federal Catarinense onde o aluno Eduardo Ancini foi contemplado, e com a pesquisadora Mariane Kozoriz, acadêmica de Licenciatura em Artes de Santa Terezinha que atuou com o levantamento de dados e demais atividades colaborativas junto ao projeto. Segundo o coordenador do projeto, Prof. Juliano Tonizetti Brignoli, o Portal é um espaço virtual que permitirá a formação e continuidade da memória cultural gastronômica eslava do município de Santa Terezinha e região. Foi uma excelente parceria com a Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Turismo e com lideranças comunitárias daquele município que apoiaram a realização do projeto e que agora estarão engajadas na divulgação e disseminação do uso do serviço. Este projeto enquadrasse em uma das linhas de pesquisa do Grupo GrECIA e está relacionado com a Gestão do Conhecimento. O Portal será mantido pela prefeitura de Santa Terezinha e com a supervisão técnica de acadêmicos e pesquisadores do curso de Ciência da Computação do IFC Campus Rio do Sul.

foto1-comida-tipica-ucraniana foto2-vii-noite-cultural-folclorica-ucraniana foto3-lancamento-oficial-do-portal

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.